O site de RedCLARA usa cookies para te oferecer a melhor experiência possível na web.

Ao continuar a usar este site, você concorda em que armazenemos e acessemos cookies em seu dispositivo. Por favor, certifique-se de ler a Política de Cookies. Learn more

I understand

FECYT-Espanha é o novo membro de LA Referencia

Votos do utilizador: 1 / 5

Estrela ativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Nesta quarta-feira, 21 de outubro, a Espanha se tornou o novo país membro da LA Referencia, rede latinoamericana que possui países associados trabalhando para a Ciência Aberta. O acordo de adesão foi assinado por meio de uma conferência virtual por Cecilia Cabello, diretora da Fundação Espanhola de Ciência e Tecnologia (FECYT), Bianca Amaro, presidente da LA Referencia, e Luis Eliécer Cadenas, diretor executivo da RedCLARA.

(Fonte: LA Referencia) Desta forma, América Latina e Espanha consolidam, agora no campo da Ciência Aberta, sua tradição histórica de colaboração científica e tecnológica, aspecto que promove acessibilidade e geração de ideias que visam unir as diferentes visões em uma frente comum para a Ciência Aberta.

Bianca Amaro explicou a importância desse acordo para a rede. “A união de um país como a Espanha é um avanço muito grande, tanto para a LA Referencia quanto para ele mesmo. É muito importante porque fortalecemos o que fazemos dentro da rede: a força da ciência de língua espanhola”, destacou.

Por sua vez, Luis Eliécer Cadenas, diretor executivo da RedCLARA, destacou os processos de colaboração que uniram a América Latina à Espanha, bem como a necessidade de continuar abrindo caminho nessas áreas. “Esta aliança é muito significativa porque RedCLARA e as redes nacionais de educação têm uma história muito importante de cooperação com a Espanha e com a Europa. Estamos estruturando uma rede de apoios e colaborações que, eventualmente, podem colocar cada vez mais a ciência e os investimentos em educação e avanço científico a serviço do desenvolvimento econômico na América Latina e em nível global”, destacou Cadenas.

A diretora da FECYT, Cecilia Cabello, manifestou seu entusiasmo pela incorporação da Espanha aos esforços de LA Referencia em ciência e acesso aberto. “Hoje é um grande dia para a FECYT, mas sobretudo para o sistema de ciência e tecnologia espanhol. RECOLECTA tornou-se uma ferramenta fundamental para cumprir o mandato nacional de acesso aberto, bem como uma parte fundamental das iniciativas que temos em matéria de ciência aberta. A assinatura deste acordo nos coloca internacionalmente em uma posição estratégica que nos trará enormes benefícios. Esta aliança fortalecerá o relacionamento entre a Espanha e a América Latina e fortalecerá as visões de acesso aberto e ciência aberta em um espaço geográfico muito mais amplo”, disse Cabello.

Cabello aproveitou o espaço para mencionar as possibilidades que esta incorporação abre para os países de língua espanhola: “Esta união com os países ibero-americanos contribui para o compromisso institucional da FECYT com o fortalecimento da ciência em espanhol, pois aumentará exponencialmente a visibilidade da ciência da Espanha recolhida em RECOLECTA ”.

Bianca Amaro, por sua vez, encerrou a assinatura do acordo lembrando a importância dessa incorporação: “Agora somos um só trabalhando pelo desenvolvimento científico dos nossos países; juntos somos mais fortes. Acredito que o progresso, o desenvolvimento e as grandes conquistas que podemos alcançar juntos estão agora à nossa disposição".

A Espanha acrescenta o seu agregador nacional, RECOLECTA, a LA Referencia, cujos objetivos são promover e coordenar a infraestrutura nacional espanhola de repositórios científicos digitais de acesso aberto e garantir que sejam interoperáveis ​​de acordo com os padrões da comunidade mundial; promover, apoiar e facilitar a adoção do acesso aberto por todos os investigadores das universidades e centros de I&D espanhóis e dar uma maior visibilidade nacional e internacional aos resultados da investigação realizada no país europeu.