O site de RedCLARA usa cookies para te oferecer a melhor experiência possível na web.

Ao continuar a usar este site, você concorda em que armazenemos e acessemos cookies em seu dispositivo. Por favor, certifique-se de ler a Política de Cookies. Learn more

I understand
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

O CEO da FIWARE Foundation, Ulrich Ahle, e o diretor executivo da RedCLARA, Luis Eliécer Cadenas, em representação das respectivas entidades, assinaram um acordo de cooperação, no âmbito do "9th FIWARE Global Summit", realizado em junho, em Viena (Áustria).

O acordo estabelece princípios básicos de cooperação para a realização de atividades não comerciais, incluindo projetos de pesquisa e treinamento, programas e atividades de divulgação, e tem duração de um ano, prorrogável automaticamente por períodos similares, salvo notificação de rescisão de uma das partes.

As partes buscam promover padrões tecnológicos que melhorem a qualidade dos serviços de uma cidade, país ou região, com transparência, boas práticas e participação cidadã e têm interesse em colaborar em áreas como a construção de ecossistemas em cidades inteligentes, agricultura, água, e indústria inteligente, fornecendo orientações sobre como usar a tecnologia FIWARE para padrões abertos.

Leia o acordo completo

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

O Consórcio Europeu para Infraestruturas de Pesquisa em Biodiversidade e Ecossistemas, LifeWatch ERIC, representado por seu CEO, Christos Arvanitidis, e a Cooperação Latino-Americana de Redes Avançadas, RedCLARA, representada por seu diretor executivo, Luis Eliécer Cadenas, assinaram um Memorando de Entendimento (MoU), para a coordenação e desenvolvimento de atividades de cooperação para impulsionar a ciência e a pesquisa na Europa e na América Latina e Caribe.

Assinado em dezembro de 2023, o acordo estabelece linhas concretas de colaboração, como o desenvolvimento de uma agenda comum para a participação em eventos importantes, a geração de propostas conjuntas para subvenções ou linhas de financiamento e a colaboração recíproca em laboratórios virtuais de pesquisa, incluindo o acesso ao MiLab, gerenciado pela RedCLARA, e aos Ambientes Virtuais de Pesquisa (VREs) desenvolvidos pelo LifeWatch ERIC.

Reconhecendo as diferentes características técnicas dos ambientes, as entidades se comprometeram a gerar acordos específicos para garantir a compatibilidade, especialmente no carregamento, gerenciamento e processamento de dados, para que as plataformas e sistemas de ambas as instituições sejam interoperáveis e facilitem o fluxo eficiente de informações, dentro da estrutura dos princípios FAIR (Findable, Accessible, Interoperable and Reusable) em todos os dados compartilhados, serviços, VREs e outros produtos de pesquisa. Com relação ao blockchain, o MoU afirma que as entidades compartilharão conhecimentos, experiências e práticas recomendadas para fortalecer suas capacidades e avançar conjuntamente na adoção e adaptação de soluções que atendam às necessidades atuais e futuras da comunidade científica e tecnológica. O acordo endossa a visão compartilhada de inovar e colaborar para um gerenciamento de dados mais seguro, transparente e eficiente.

Especificamente, o compromisso estabelecido visa analisar e estudar os ambientes de blockchain que as partes estão promovendo atualmente - o "LACChain" da RedCLARA e o "LifeBlock" do LifeWatch ERIC - para identificar sinergias, pontos de aprendizado e colaboração, por meio de oportunidades de desenvolvimento mútuo que otimizem e aprimorem o uso dessa tecnologia. Além disso, o MoU estabelece a criação e o fortalecimento de uma Plataforma de Treinamento Regional sobre as ferramentas e soluções tecnológicas oferecidas pelo LifeWatch ERIC para usuários da América Latina e do Caribe.

Uma das principais áreas de colaboração científica se concentrará no enfrentamento dos desafios associados à mudança climática, dada a relevância dessa questão no mundo atual. O acordo estabelece uma estrutura para a colaboração científica por meio de infraestruturas avançadas voltadas para esse tópico, o que fortalecerá as capacidades de pesquisa de ambas as instituições e da comunidade científica em geral.

Faça o download do Mou

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Durante a primeira semana de outubro de 2022, foi assinado um Memorando de Entendimento entre a Autoridade de Sistemas de Informação da República da Estônia (RIA) e a RedCLARA com o objetivo de promover a cooperação em segurança cibernética entre as duas partes.

Na assinatura do acordo, as instituições foram representadas por seus diretores Margus Noormaa e Luis Eliécer Cadenas. O compromisso é cooperar por um período de três anos em questões como habilidades de segurança cibernética, intercâmbio de práticas recomendadas, capacitação e fornecimento operacional.

Os esforços serão canalizados por meio do projeto EU CyberNet, implementado pela RIA, lançado com o objetivo de fortalecer a entrega, a coordenação e a coerência gerais dos projetos de capacitação cibernética externa da UE. Nesse campo, e com o objetivo de fornecer assistência técnica aos países parceiros no campo da segurança cibernética e do crime cibernético, a EU Cybernet gerencia o Centro de Competência Cibernética para a América Latina e o Caribe (LAC4), inaugurado em maio de 2022, em Santo Domingo, República Dominicana.

O acordo visa, além dos tópicos mencionados acima, promover a missão do projeto LAC4 e da EU CyberNet em eventos e fóruns internacionais, e contribuir para a identificação das necessidades de capacitação cibernética e o desenvolvimento de currículos de treinamento LAC4 e outras atividades para apoiar os esforços de segurança cibernética da América Latina e do Caribe.

Faça o download do Mou

Verificando conexão a Redes Académicas ...

Rambla República de México 6125.
Montevideo 11400. Uruguay.

+598 26042222