EELA

eelaNombre: E-science grid facility for Europe and Latin America - EELA
Início: 1 de janeiro de 2006
Fim: janeiro 2008
Fundo: EC – FP6, SSA (Specific Support Action)

Objetivo Geral: esolver a brecha relativa ao insuficiente nível da e-Ciência na América Latina, entendida como o conjunto de atividades cientificas desenvolvidas mediante o uso de recursos distribuídos no mundo através da Internet.

Participantes: Coordenadora - CIEMAT (Espanha), CSIC (Espanha), UFRJ (Brasil), UPV (Espanha), ULA (Venezuela), CNEN (Brasil), INFN (Itália), CUBAENERGIA (Cuba), UTFSM (Chile), CLARA (América Latina), UFF (Brasil), UNAM (México), CEDERJ (Brasil), RNP (Brasil), CERN, LIP, SENAMHI (Peru), UC (Espanha), REUNA (Chile), UDEC (Chile), REDIRIS (Espanha), UNLP (Argentina).

 

EELA se iniciou em janeiro de 2006 e concluiu com excelentes resultados e uma qualificação de "Boa a Muito Boa", em dezembro de 2007 (a qualificação foi atribuída pelos revisores da Comissão Européia, depois da reunião de avaliação realizada em Bruxelas em fevereiro de 2008).

Financiado pela Comissão Européia, com 1.7 milhões de Euros, o Projeto EELA ("E-Infrastructure shared between Europe and Latin America") busca levantar uma ponte digital entre as iniciativas de e-Infra-estrutura que estão em processo de consolidação na Europa (no marco do Projeto EEGE, europeu) e aquelas que estão emergindo na América Latina, mediante a criação de uma rede de colaboração que compartilhará uma infra-estrutura de Grid para apoiar o desenvolvimento e teste de aplicações avançadas.

EELA - Objetivos:

Estabelecer uma rede de colaboração científica:

  • Montando a estrutura de uma rede de colaboração.
  • Implementando mecanismos de suporte adequados.
  • Adotando políticas relacionadas ao uso compartilhado de e-Infra-estruturas.
  • Avaliando novas áreas de colaboração possíveis e parcerias relevantes.

Montar uma e-Infra-estrutura-piloto na América Latina, interoperável com a existente na Europa (EGEE):

  • Adotando uma Política de Segurança baseada em certificados públicos e privados e estabelecendo Autoridades Certificadoras (ACs).
  • Criando Organizações Virtuais (OVs) para as comunidades de pesquisa identificadas.
  • Apoiando o uso avançado de rede, integrando-o plenamente ao esquema de e-Infra-estrutura compartilhada.

Identificar e promover uma estrutura sustentável para e-Ciência:

  • Identificando as comunidades de pesquisa e as aplicações que serão intensificadas graças ao uso de uma e-Infra-estrutura compartilhada.
  • Apoiando o esforço de disseminação para as comunidades identificadas e para as novas.
  • Definindo uma rota para uma futura e-Infra-estrutura consolidada na América Latina e suas conexões com a Europa.

Dado o âmbito de ação, EELA ajudará a reduzir a brecha digital na região latino-americana, pondo à disposição dos pesquisadores uma muito poderosa e-Infra-estrutura na qual poderão realizar complexas pesquisas de uma maneira simples, que, no futuro, pode estender-se para servir como base para uma grande comunidade de usuários. Além disso, este esforço permitirá à América Latina entrar, de modo ordenado e como um grupo, na tecnologia de Grid.

Fotos

RedCLARA en Twitter

RedCLARA Para impulsar y consolidar esfuerzos, Director Ejecutivo de RedCLARA visita México 🇲🇽. Lea más en… https://t.co/O33WmZtuvH
18hreplyretweetfavorite

Endereço RedCLARA

End.:
Avenida El Parque 4680-A, Oficina 108. Santiago.
CHILE.

Rambla República de México 6125. Montevideo 11400.
URUGUAY
CEP:
8580644
Fone:
(+56) 2 584 86 18
Skype:
oficina-redclara
SIP:
telefonia.redclara.net
e-Mail:
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

markerEncontre-nos no Google Maps